Resultados preliminares mostram que vacina candidata chinesa contra COVID-19 é segura, diz The Lancet

(Alpha Xinhua)

3  MIN LEITURA

Londres, Inglaterra (Alpha Xinhua) – Uma vacina candidata chinesa contra COVID-19 com base no inativado vírus SARS-CoV-2 completo é segura e provoca uma resposta de anticorpos, de acordo com os resultados de um pequeno ensaio clínico randomizado de fase inicial publicado na quinta-feira na revista The Lancet Infectious Diseases.

O mais recente estudo incluiu participantes com idade entre 18 e 80 anos e descobriu que as respostas de anticorpos foram induzidas em todos os receptores. Os participantes com 60 anos ou mais foram mais lentos para responder, levando 42 dias antes de serem detectados anticorpos em todos os receptores, ante 28 dias para os participantes de 18 a 59 anos.

O estudo não foi projetado para avaliar a eficácia da vacina, por isso não é possível dizer se as respostas de anticorpos induzidas pela vacina, chamada BBIBP-CorV, são suficientes para proteger as pessoas da infecção pelo SARS-CoV-2.

Os autores também observaram que a interpretação dos resultados deste estudo é limitada pela curta duração do seguimento.

De acordo com a The Lancet, existem atualmente 42 vacinas para COVID-19 em ensaios clínicos. As candidatas a vacinas em ensaios clínicos variam de forma e incluem vacinas plasmidas de DNA, vacinas de vírus inativados, vacinas vetoriais de adenovírus, vacinas de RNA, vacinas de subunidade proteica e vacinas contra partículas semelhantes a vírus. Algumas delas já se mostraram seguras e capazes de obter respostas imunes em ensaios clínicos de fase inicial.

“Nossas descobertas indicam que uma injeção de reforço é necessária para obter as maiores respostas de anticorpos contra SARS-CoV-2 e pode ser importante para a proteção. Isso fornece informações úteis para um teste de fase 3”, disse Yang Xiaoming, um dos autores do estudo e professor do Instituto de Produtos Biológicos de Beijing.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.